Freeport: PGR admite «novidades» com «novas inquirições»

O Procurador-Geral da República (PGR) admitiu hoje que «podem haver novidades» no «caso Freeport», pois estão a «decorrer novas inquirições», remetendo para sexta-feira qualquer declaração sobre este processo. Pinto Monteiro falava no Aeroporto da Madeira, à chegada a esta Região Autónoma, para uma visita oficial de dois dias, tendo na agenda reuniões com o Representante da República, presidente do Governo Regional, magistrados do Ministério Público e uma visita à Polícia Judiciária.
Instado a confirmar se existem arguidos no «caso Freeport», o PGR afirmou: «Não posso responder, porque hoje estão marcadas mais inquirições. Hoje é mais um dia e podem haver mais novidades».
«Sempre que há ilícitos tem que haver suspeitos», argumentou.
Pinto Monteiro salientou que o Ministério Público tem que respeitar o segredo de Justiça, «o que é muito difícil em Portugal», motivo pelo qual está a «decorrer um processo de investigação para saber quem são os responsáveis pelas constantes fugas de informação».
«O ‘caso Freeport’, embora esteja em segredo de Justiça, é um processo público e é preciso apurar quem é que faz continuamente essas fugas de informação», reforçou.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: