Portugueses enviam 140 SMS por mês

Cada assinante em Portugal de serviços de telefone móveis envia, em média, quatro mensagens escritas (SMS) por dia, 140 por mês, tendo sido enviadas mais de seis milhões destas mensagens durante o terceiro trimestre do ano passado.
De acordo com o relatório da Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM), relativo ao terceiro trimestre do ano passado, nesse período foram enviadas 6.087.640 mensagens escritas através de telemóveis.
O mesmo documento refere que em Julho, Agosto e Setembro de 2008, existiam 14,5 milhões de assinantes do Serviço Telefónico Móvel (STM), mais 1,5 por cento face ao trimestre anterior e de 12,4 por cento em relação ao período homólogo do ano anterior.  
O número de mensagens escritas enviadas continua a crescer, o que “estará associado à adesão a tarifários específicos que têm vindo a surgir e que incluem um elevado número de mensagens grátis”, lê-se no documento.  
A Vodafone, uma das quatro operadoras em actividade, explicou à Lusa que “é clara a massificação e adopção do serviço de SMS pelas várias faixas etárias, mas com especial incidência nas camadas mais jovens da população portuguesa”.  
“O início da explosão do SMS verificou-se com o alargamento deste serviço aos clientes com produtos pré-pagos (Setembro de 1999) e o início de interligação entre os operadores móveis nacionais (Fevereiro de 2000)”, disse à Lusa fonte da Vodafone.  
Além da Vodafone, estão em actividade as operadoras da TMN, da Sonaecom (Optimus) e dos CTT (Phone.ix).  
O SMS tornou-se “a imagem de marca das camadas mais jovens”, tendo-se criado “uma linguagem específica, à base de abreviaturas e símbolos”, que “apenas alguns conseguem entender e aplicar, tornando um serviço que parecia pouco expressivo e monótono em algo de diferente e com bastante emotividade associada a cada comunicação”, prossegue a Vodafone.  
“Existem, inclusivamente, segmentos da população que afirmam até que por SMS podem comunicar sentimentos e ideias que não comunicariam por voz”.  
A operadora acrescenta que “o facto de o SMS ser uma forma discreta – não intrusiva e quase secreta – de comunicar permite a sua utilização em qualquer situação”, mesmo em “situações proibidas”, como “uma sala de aula ou mesmo um serão em família”.  
O relatório da ANCOM indica que, no terceiro trimestre de 2008, realizaram-se 1,97 mil milhões de chamadas através de telefones móveis, o que representou um aumento de 7,4 por cento do que no trimestre anterior.  
Para os telemóveis foram feitas 1,95 mil milhões de chamadas, sendo que “o tráfego fixo-móvel registou novamente uma descida, acentuando a tendência que se vem registando há alguns anos”, segundo a ANACOM.  
Ao longo destes três meses em análise, totalizaram-se quatro mil milhões de minutos de conversação, mais 9,5 por cento em relação ao trimestre anterior.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: