Zimbabué: Autoridades libertam menino de 2 anos que esteve preso 76 dias

Ver imagem em tamanho realHarare, 14 Jan (Lusa) – As autoridades penitenciárias do Zimbabué libertaram hoje um menino de 2 anos, preso durante 76 dias com os pais, acusados de participar numa conspiração para derrotar o presidente do país, confirmou o partido opositor, Movimento para a Mudança Democrática.
A criança foi detida, a 29 de Outubro, com os seus pais, por um grupo de polícias fortemente armados, em sua casa na localidade rural de Banket, no Norte do Zimbabué.
A família foi mantida incomunicável até que a polícia a apresentou diante de um tribunal, a 24 de Dezembro.
Os pais do menor, que são membros do Movimento para a Mudança Democrática e continuam presos, foram acusados de recrutar outras pessoas para depor o regime de Robert Mugabe mas rejeitaram as acusações.
Fazem parte da lista de mais de 40 activistas dos direitos humanos presos no Zimbabué, acusados de conspiração contra o regime de Mugabe.
O menino – que foi agredido durante o tempo em que esteve cativo, não teve cuidados médicos nem comida – foi entregue a uns amigos da mãe, que se encontra na prisão de máxima segurança de Chikurubi, nos arredores de Harare.
A mãe contou aos seus advogados que os polícias agrediram o filho como forma de a obrigar a confessar o suposto crime de que era acusada.
Os pais do menino continuam presos até ao fim de Janeiro, altura em que deverão comparecer novamente no tribunal.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: