Anticorpos de tubarão podem ajudar na luta contra o cancro

Investigadores australianos acreditam que os anticorpos excepcionalmente resistentes do sangue de tubarão podem ser uma arma poderosa para combater o cancro e potencialmente originar uma nova geração de medicamentos. Os cientistas acreditam que é possível aproveitar a resistência dos anticorpos – moléculas capazes de neutralizar agentes infecciosos – dos tubarões para desacelerar o desenvolvimento de doenças como o cancro, informa o “Globo G1”. Segundo a equipa da Universidade La Trobe, de Melbourne, os anticorpos dos tubarões resistem a altas temperaturas e a ambientes adversos, como os altamente ácidos ou alcalinos. Isto faz com que sejam capazes de sobreviver num ambiente como o aparelho digestivo humano, uma condição importante para o desenvolvimento de um tratamento através de pílulas. Além disto, as moléculas do tubarão também possuem a capacidade de se associar às células cancerígenas, desacelerando a sua disseminação, afirmou o professor Mick Foley, da Universidade La Trobe. «As células realmente se multiplicam menos do que quando nós não adicionamos os anticorpos do tubarão ou adicionamos uma quantidade irrelevante», disse o cientista. Existem actualmente evidências de que os anticorpos destes animais podem tornar mais lenta a proliferação do cancro da mama, mas há esperança de que possam ser utilizados para tratar outras doenças, como a malária e a artrite reumatóide.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: