Concentração de Dióxido de Carbono atinge novo recorde

A concentração de dióxido de carbono na atmosfera atingiu este ano as 387 partes por milhão, um novo recorde. O valor mais alto dos últimos 650 mil anos foi medido no observatório de Mauna Loa no Havai e está 40 por cento acima do valor registado durante a revolução industrial.

Fonte: Jornal Público

O aumento anual de CO2 foi em média de duas partes por milhão (ppm) por ano desde 2000. Entre 1970 e 2000 a média era de 1,5ppm. Os cientistas temem que este aumento na acumulação do CO2 seja causado por uma incapacidade que a Terra tem de absorver mais gás.

Os modelos do clima prevêem que metade das emissões futuras de CO2 vai ser absorvida pelas florestas e pelos oceanos. Mas os resultados das medições da concentração do gás na atmosfera pode pôr em causa esta previsão, obrigando os países a cortarem ainda mais nas emissões para prevenirem os efeitos do aquecimento global.

“Apesar de todas as discussões, a situação está a piorar”, disse Martin Parry, co-director de um dos grupos de trabalho do Painel Intergovernamental das Alterações Climáticas.

“Os níveis dos gases que causam o efeito de estufa continuam a aumentar e este aumento está a acelerar. Já estamos a assistir aos impactos das mudanças climáticas e a escala desses impactos também vai acelerar”, acrescenta.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: